Sopa cremosa de beterraba

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Ou você pode simplesmente copiar e colar na sua Rede Social

Sopa cremosa de beterraba

27 de outubro de 2018

Descrição

Compartilhar

Já fez sopa de beterraba? Eu fiz muito quando comecei a cozinhar com mais frequência, no início da história desse blog. Mas, confesso, acabei parando. Não porque tenha enjoado do sabor. Mas porque a consistência não ficava do jeito que eu queria – não ficava um creme aveludado e estável. Era uma sopa quase bifásica – uma parte bem líquida, outra mais densa.

Daí que, um dia desses, descobri meu freezer cheio de beterraba cozida. Decidi preparar uma sopinha, mas a lembrança da sopa bifásica logo voltou à minha memória. Acontece que na última década, andei aprendendo uns truques. Resolvi lançar mão de um curingão da cozinha: o inhame.

O inhame tem um sabor super discreto e rende purês e creminhos super bacanas. Aprendi isso fazendo papinhas para os meus filhos. Além disso, o danado é cheio de propriedades nutricionais interessantes (Sônia Hirsch pode falar melhor disso).

Bati beterraba e inhame com um pouco de líquido, no liquidificador, e ficou promissor. Fiz um refogado de temperos, verti o creme de beterraba, deixei ferver e bingo: uma sopa super cremosa, com uma cor estonteante e o sabor adocicado e acolhedor da beterraba.

Em tempos em que a gente precisa se sentir reconfortado, nada melhor do que uma sopinha bem cremosa.

Receita daqui mesmo! 😉

Ingredientes

500 g de beterraba cozida
300 g de inhame cozido
700 mL de água ou caldo de legumes caseiro
Um fio de azeite de oliva
1/2 cebola média picadinha
1 dente de alho pequeno picadinho
1 pedaço de gengibre do tamanho de um polegar descascado e ralado
1 pimenta-dedo-de-moça picadinha (opcional)
1 colher (sopa) de coentro desidratado (use a erva de sua preferência)
Sal a gosto

Modo de Preparo

No liquidificador, bata os legumes cozidos com 500 mL de líquido (água ou caldo de legumes). Verifique a consistência e acrescente mais líquido, se for o caso (eu acrescentei mais 200 mL). Reserve.

Em uma panela média, verta um fio de azeite. Leve ao fogo até aquecer. Adicione a cebola e refogue até ficar transparente. Adicione então o alho e o gengibre (e a pimenta, se usar). Refogue até que os ingredientes liberem seu cheiro.

Adicione o líquido do liquidificador e misture bem. Prove e ajuste o sal. Deixe em fogo baixo até ferver. Adicione a erva desidratada de sua preferência e deixe ferver suavemente por cerca de 5 minutos.

Prove novamente e ajuste o tempero, se julgar necessário.

Observações Finais

* Se você desanimou só de pensar em sopa quente, acalme-se: esta sopa funciona super bem fria. Eu provei e fica tão boa quanto!

* Ah, só pra você não se assustar à toa: quando você ingere uma boa quantidade de beterraba – como um prato dessa sopa -, a tendência é que tudo que… ahn, saia de você (desculpa a escatologia) esteja tingido com um tom rosado escuro. Então, não chame o SAMU depois de ir ao banheiro – se não houver nenhum outro sintoma, você provavelmente está bem 😉

anterior
Bolo de abacaxi em calda
próximo
Bolo de quirera de milho e coco
anterior
Bolo de abacaxi em calda
próximo
Bolo de quirera de milho e coco

Adicionar um comentário