Pão de arroz

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Ou você pode simplesmente copiar e colar na sua Rede Social

Pão de arroz

28 de julho de 2008

Descrição

Compartilhar

Nem sempre tenho tempo ou vontade de cozinhar. Quando isso acontece, ligo para um serviço de tele-entrega e peço comida. Acontece que isso tem um efeito colateral. Além de não ser assim, a melhor refeição da vida, a comida de tele-entrega vem com porções enormes de arroz. E como eu tenho muito nervoso de jogar comida fora, de vez em quando me descubro com um monte de potinhos de arroz na geladeira.

Foi o que aconteceu na semana passada. No total, eram 750g de arroz pronto – 2 porções de arroz branco e 1 de arroz com muito alho frito e salsinha picada. Como eu tenho idéia fixa, resolvi transformar em pão. E não é que deu certo?

Pão de arroz

Receita inventada aqui 😉

Ingredientes

750 g de arroz cozido
700 g de farinha de trigo (a quantidade pode variar um pouco dependendo da umidade do arroz)
300 ml de água morna
1 ovo grande
4 ½ colheres (sopa) de azeite de oliva
1 colher (sopa) de sal
1 ½ colher (sopa) de açúcar
15 g de fermento biológico seco instantâneo

Modo de Preparo

Em uma tigela, dissolva o fermento e o açúcar em água morna. Adicione um pouco de farinha a essa mistura e aguarde até que o líquido borbulhe*.

Enquanto isso, triture o arroz pelo processador até obter uma massa semelhante a um purê mais sequinho. Na jarra do processador, mesmo, adicione o sal, o ovo e o azeite, misturando com uma colher de pau. Reserve.

Em uma tigela grande, peneire parte da farinha e adicione a massa de arroz. Misture um pouco com as mãos. Despeje o líquido fermentado e misture mais um pouco. Adicione o restante da farinha aos poucos até que a massa desgrude das mãos.

Transfira a massa para a sua superfície de trabalho e sove até que ela fique macia e homogênea. Polvilhe-a com farinha de trigo, coloque-a em uma tigela, faça cortes na superfície e cubra com um filme plástico. Depois de tanto sofrimento, ela vai querer descansar um pouco.

Quando a massa tiver dobrado de volume, transfira-a para a sua superfície de trabalho ligeiramente enfarinhada e amasse-a para tirar o ar acumulado. Modele como preferir (eu fiz bolinhas de uns 50g), coloque em assadeira untada e polvilhada com farinha, cubra com um pano de prato e deixe crescer novamente por uns 40 minutos. No meio desse tempo, ligue o forno a 200ºC para aquecê-lo.

Leve os pãezinhos para assar por 30 minutos ou até que fiquem dourados (dê uma olhada aos 20 minutos, meu forno não é grandes coisas). Deixe-os esfriar sobre uma grade por um tempinho antes de comer. Rende 36 pãezinhos.

Observações Finais

* De verdade, mesmo, não há necessidade de dissolver o fermento biológico seco instantâneo na água com açúcar. Eu faço por uma questão de costume, mesmo.

* O alho e a salsinha do arroz deram um sabor suave, mas muito especial aos pãezinhos. Se a sua sobra de arroz não estiver temperada assim, vale a pena acrescentar ½ colher (chá) de alho em pó e 1 colher (sopa) de salsinha muito picadinha.

* Não tem problema se a massa de arroz ficar com uns ‘carocinhos’ (isso pode acontecer se alguma das sobras de arroz estiver mais sequinha). Isso dá uma textura incrível à massa, acredite.

anterior
Pão integral da Karen
próximo
Pudim de maria-mole
anterior
Pão integral da Karen
próximo
Pudim de maria-mole

Adicionar um comentário