Galinhada da Rita Lobo

Compartilhe nas suas Redes Sociais:

Ou você pode simplesmente copiar e colar na sua Rede Social

Galinhada da Rita Lobo

17 de setembro de 2016

Descrição

Compartilhar

Todo dia, enquanto dirijo de volta para casa com as crianças, procuro saber como foi o seu dia na escola fazendo um monte de perguntas: “hoje teve balé?”, “o que você gostou de desenhar?”, “qual foi a brincadeira mais legal?”, “qual foi a comidinha mais gostosa que você comeu?”. À última pergunta, Alice normalmente responde “Nadinha”, para minha tristeza (e das nutricionistas da escola). A coisa só muda de figura quando é dia de ‘arroz amarelo’ – também conhecido como galinhada.

Sabendo do gosto da pequena por esse prato, quis prepará-lo em casa. Sabia que a Rita Lobo havia feito galinhada em um episódio do Cozinha Prática e fui atrás da receita. Pareceu tão simples que reproduzi de memória, adaptando quantidades e acrescentando meus pitacos. Gabriel e minha mãe aprovaram. Já a Alice… :-/

Receita livremente adaptada daqui

Ingredientes

2 fios de azeite
1 filé de peito de frango cortado em cubinhos de 1 cm
1 cebola média picadinha
2 dentes de alho picadinhos
1/4 de colher (chá) de cúrcuma em pó
1/4 de colher (chá) de cominho em pó
1 pitada de páprica picante
1 xícara de arroz branco cru
Suco de 1/2 limão espremido na hora
1 cenoura média ralada no ralo fino
1 xícara de milho verde (pode ser em conserva, fresco ou congelado)
2 1/2 xícaras de água quente
1 colher (chá) de sal
2 tomates sem sementes, em cubinhos
Salsinha e cebolinha a gosto ao servir

Modo de Preparo

Numa panela média, aqueça um fio de azeite. Doure os cubinhos de frango (faça em duas levas, pelo menos, para que os cubinhos de frango fiquem dourados e suculentos, e não cozidos e borrachentos). Retire o frango da panela e reserve num prato.

Na sequência, acrescente mais um fio de azeite e doure a cebola, seguida do alho e das especiarias. Some então o arroz e deixe refogar por um minuto. Acrescente o suco de limão e misture com uma colher de pau para ‘descolar’ os restinhos do fundo da panela. Adicione a cenoura e o milho, devolva o frango à panela e misture tudo muito bem. Junte a água quente e o sal, mexa e prove – acerte o tempero, se achar necessário.

Abaixe o fogo e deixe o arroz cozinhar com a panela semitampada até quase secar. Quando isto acontecer, apague o fogo, acrescente o tomate picado, misture delicadamente e tampe a panela. Deixe descansar por 5 minutos.

Transfira a galinhada para a travessa de servir. Ou, para um esquema mais autêntico, deixe na panela mesmo e salpique cheiro verde picado por cima. Para acompanhar, eu iria de couve à mineira, mas vale uma saladinha verde.

Observações Finais

* Se você usar carnes mais gordinhas do frango, como a coxa e a sobrecoxa desossadas, sua galinhada vai ficar ainda melhor. O peito é muito magrinho e tende a ressecar.

anterior
Bolo Negro de Chocolate Chocolatria
próximo
Barrinhas de chocolate branco e glacê de limão
anterior
Bolo Negro de Chocolate Chocolatria
próximo
Barrinhas de chocolate branco e glacê de limão

Adicionar um comentário